terça-feira, 10 de maio de 2011

Jesus orou como muçulmano?



Queridas Zahrahs do Mundo Islamico: 
Geralmente as pessoas cometem vários erros para se estudar a Bíblia. Da próxima vez, tente comentar uma coisa de cada vez. Voce enviou tanto assunto que seria impossível tratar de todos eles em um so artigo. Por exemplo, voce comenta que:
1.    Que os ensinos de Jesus e Maomé são validos hoje,
2.    O jeito que Jesus orou prova que ele era muçulmano,
3.    Que Jesus veio cumprir e não abolir a lei,
4.    Que Jesus foi chamado de bom, e bom é somente Deus, 
5.    Que Jesus disse que somente Deus deve ser adorado, etc. 

Todas estas questões ja foram resolvidas e serão ainda mais esclarecidas em futuros artigos. Então não se apresse. Escolha um bom argumento e nos escreva.
Quando alguém te pergunta se voce ja leu algo, geralmente o que a pessoa quer dizer é se voce ENTENDEU o que voce leu. Ler a Bíblia, não é o mesmo que ler um jornal como o Al-Ahram ou Al-Masry Al-Youm.
A Bíblia traz a pergunta certa em Atos 8: 30
E, correndo Filipe, ouviu que lia o profeta Isaías, e disse: Entendes tu o que lês? 
No entanto o Etíope foi mais honesto que a maioria dos muçulmanos e respondeu no v. 31:
Como poderei entender, se alguém não me ensinar?
Para instruir a voce a outros aqui vão algumas regras básicas para se entender QUALQUER literatura.
A)  Desde que a Bíblia é um “CORPO LITERÁRIO”, ou seja, não existem fotos, diagramas na Bíblia, mas somente palavras, frases, sentenças, parágrafos, capítulos etc. Então se precisa empregar o método gramatical e literário para entender a Bíblia. O uso de dicionários e leis gramaticais é de fundamental importância neste processo. Assim como no Alcorão.
B)   Desde que a Bíblia é um corpo literário OBJETIVO, ou seja, a Bíblia apresenta o fato como ele é, não embeleza e nem tenta arrumar a realidade das coisas. Então se precisa empregar o método indutivo e não dedutivo ou espiritualizado. Não se pode forçar as nossas próprias opiniões ao texto. Deixe o texto falar por si mesmo. Assim como se deve fazer também com o Alcorão.
C)   Desde que a Bíblia é um corpo COMPLETO de literatura, ou seja, a Bíblia oferece as resposta dentro da próprio Bíblia. Não se necessita sair da Bíblia para se entender as doutrinas da Bíblia. Então, se necessita iniciar, estudando a Bíblia e não os “livros que falam sobre a Bíblia”. A Bíblia interpreta a si mesma. CONTRARIO ao Alcorão, não se entende nada se não se recorrer para as Hadiths. 
D)  Desde que a Bíblia é uma literatura HISTÓRICA, ou seja, os registros da Bíblia falam de tempos antigos, do começo da historia onde Deus começou o seu relacionamento com os seres humanos. Então, se deve empregar o método histórico, ou seja, as culturas, costumes, eventos e personalidades da Bíblia precisam ser entendidos em um contexto histórico e não contemporâneo. Não se pode interpretar o passado com “olhos contemporâneos”. O mesmo se aplica ao Alcorão, mas o Alcorão DIFERE da Bíblia porque não traz nenhuma cronologia, datas, dados culturais etc. O Alcorão foi escrito com uma visão puramente Árabe.
E)   Desde que a Bíblia é um documento literário que demanda o uso da LÓGICA e RACIOCÍNIO, ou seja, a Bíblia não é um livro ESOTÉRICO, de mágicas, ou segredos místicos. Então, o método para se estudar a Bíblia deve ser CONCRETO. Não se alegoriza o que é claramente literal na Bíblia. As palavras tem significados concretos e devem ser entendidos dentro deste contexto. Contrario ao Alcorão, não existe parâmetros que determinam a lógica e o raciocínio. O Alcorão desafia e contradiz a lógica e a ciência em vários capítulos.
F)   Desde que a Bíblia é uma literatura sobre as situações da VIDA, ou seja, a Bíblia não foi escrita em um formato de enciclopédia, ciências, ou um livro de leis, em ordem alfabética contendo informação sobre todos os aspectos da vida, mas registra e mostra a vida normal e cotidiana das pessoas. Deus usou este processo para revelar a sua vontade e seus pensamentos. Então, o método para se entender a Bíblia deve ser DINÂMICO, as historias e situações contidas na Bíblia irão revelar as verdades e princípios sobre Deus, sobre o ser humano, sobre o pecado e sobre a solução para o pecado. A Bíblia também difere do Alcorão neste aspecto, a maioria das historias do Alcorão trazem situações sobre a vida de Maomé que não se aplicam jamais para a vida das pessoas.
G)  Desde que a Bíblia é um corpo literário com dimensão ESPIRITUAL, isto é, ainda que a Bíblia trata de assuntos históricos, contem gramática, leis, cultura etc; POREM o objetivo primário da Bíblia é claramente ESPIRITUAL (Deus se relacionando com o ser humano). Então, a Bíblia precisa ser aproximada com uma compreensão ESPIRITUAL. A própria Bíblia diz que não é cultura, conhecimento, ciência que desvendara o mundo espiritual da Bíblia, mas FÉ e a ação do ESPÍRITO SANTO (“Mas nós não recebemos o espírito do mundo, mas o Espírito que provém de Deus, para que pudéssemos conhecer o que nos é dado gratuitamente por Deus” 1 Cor 2:11-16). O Alcorão afirma que veio de Deus, mas falha para oferecer as provas necessárias.
H) Desde que a Bíblia é um corpo literário que afirma ser a REVELAÇÃO de DEUS, ou seja, homens comuns, porem escolhidos por Deus foram usados para transmitir o pensamento de Deus, que demanda obediência e fé, a Bíblia é ÚNICA nesta categoria. Então, a Bíblia precisa ser estudada com reverencia. Estranhamente, o próprio Maomé reconheceu que a Bíblia foi enviada por Deus e que os Cristãos e Judeus tinham a “Palavra de Deus” nas suas mãos, mas na PRATICA os muçulmanos negam que a Bíblia é a Palavra de Deus.
Espero que tenha sido útil este pequeno comentário acima.
Zahrah, o fato de voce usar um monte de versos da Bíblia, não significa absolutamente nada. A Bíblia é um conjunto literário e precisa ser entendida de acordo com este conjunto. Nao adianta voce usar versos isolados para provar o seu ponto, isso se chama “PICARETAGEM e VIGARICE INTELECTUAL” e o Islam esta cheio de casos assim. 
Seria bom usar a “Lei da não contradição”. Algo não pode ser falso e verdadeiro ao mesmo tempo.
Primeiro, a Palavra de Deus não tem prazo de validade.
Segundo, a Palavra de Deus pode ser progressiva, mas nunca regressiva.
Terceiro, a Palavra de Deus pode ser abrangente mas nunca contradizente.
Veja o que voce disse: (não corrigi os seus erros)   
“Lógico que Jesus na época era o caminho (a palavra de Deus ) naquela época e serve ate hoje seus ensinamentos. Da mesma forma que Mohammad tambem foi o hoje em dia e o caminho para nos.”
Me diz como alguém pode ser o caminho naquela época e ser hoje e ainda assim se harmonizar com os ensinos de Maomé?
Jesus disse para amar os inimigos e Maomé disse para não ser amigo do Cristãos e Judeus: Como podem os ensinos de Jesus serem harmonizados com os ensinos de Maomé? Ou voce não pensou antes de escrever ou voce esta totalmente confusa Voce precisa resolver esta CONTRADIÇÃO primeiro antes de ir adiante.
Mas para o beneficio dos outros leitores irei adiante. Novamente voce disse:
“Jesus dando a prova de que era um humano, criatura de Deus ,e não um Deus como afirmam” 


Eu não sei se o seu problema é a sua falta de conhecimento gramatical ou teológico. Talvez ambos. Teologicamente, nos Cristãos SEMPRE afirmamos que Jesus era HOMEM e DEUS ao mesmo tempo. Gramaticamente, nos Cristãos NUNCA afirmamos que Jesus era “UM” DEUS. Isso não é uma questão numérica e sim qualitativa. Voce consegue ver a diferença?
Somente para dar um exemplo de como voce não conhece nada da Bíblia e infelizmente esta indo para o INFERNO por causa disso, olha so ate que ponto chegou a sua falta de conhecimento.
Voce disse que:
“Mateus 26:39 Jesus rezava igual muçulmanos.
Se seguem seus ensinamentos porque não rezam igual?
- E, indo um pouco mais para diante, prostrou-se sobre o seu rosto, orando e dizendo: Meu Pai, se é possível, passe de mim este cálice; todavia, não seja como eu quero, mas como tu queres.”
e ai tem mais outros profetas que rezavam igual.
 “... Então Josué prostrou-se com o rosto por terra e o adorou...” 
Típico de “PICARETAGEM INTELECTUAL” de Muçulmano: Voces se agarram em uma forma CULTURAL comum em quase todas as culturas e as usa como se fosse uma prova definitiva de que se alguém ora assim, então ele é muçulmano. Isso não passa de VIGARICE intelectual (Falta de integridade).
Espero que voce pelo menos saiba que no Islam, é proibido “REZAR” ou “ORAR” olhando para os céus. Maomé disse que quem ora olhando para o céu, teria a sua visão retirada:
“Narrado por Anas bin Malik: O Profeta disse: “O que há de errado com aquelas pessoas que olham para o céu durante a oração?” Sua fala ficou ríspida ao entregar esse discurso e ele disse: “Eles deveriam parar (olhando para o céu durante a oração), caso contrário as suas visões seriam tiradas.” (Sahih Bukhari 1.717)
Neste caso, então esta provado que Jesus não era muçulmano, pois ele orou OLHANDO para o céu.
Lucas 9 : 16 “Tomando os cinco pães e os dois peixes, e olhando para o céu, deu graças e os partiu. Em seguida, entregou-os aos discípulos para que os servissem ao povo.”
Mateus 19:13 “Depois trouxeram crianças a Jesus, para que lhes impusesse as mãos e orasse por elas. Mas os discípulos os repreendiam.”
João 11:41 “Então tiraram a pedra (da sepultura de Lazaro). Jesus olhou para cima e disse: "Pai, eu te agradeço porque me ouviste.”
João 17:1 “Depois de dizer isso, Jesus olhou para o céu e orou: “Pai, chegou a hora. Glorifica o teu Filho, para que o teu Filho te glorifique.”
Voce pode ver o absurdo de querer provar o Islam usando vigarices e picaretagens? Jesus não somente olhou para os céus, mas ele orava de pe, sentado, ajoelhado, pregado na cruz etc. A Bíblia NUNCA ensinou que a posição do corpo afeta a oração, mas a Bíblia deixa claro que a posição do CORAÇÃO é a que realmente importa.
Espero que estes ponto esteja claro. A grande totalidade dos problemas que voce apresentou, são facilmente provados, que voce esta simplesmente repetindo o que outros picaretas intelectuais ja fizeram ha muito tempo atrás, ou seja, “torcer as palavras  e o significado daquilo que Jesus realmente quis dizer”.   
Em breve, vou lançar um artigo sobre a questão da LEI. Esta é a questão mais deturpada pelos muçulmanos para poderem justificar as barbaridades de Maomé. Tenha paciência comigo!
Mas antes de terminar, eu gostaria de dizer a todos os muçulmanos: Arrependa-se antes que seja tarde demais, antes que o seu coração esteja endurecido e ja não haja mais jeito de voltar atrás. Jesus esta te esperando com os braços abertos.


Rafik 

11 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Querida Zahrah
    Nao fuja da questão:
    Voce pode me mostrar um video, ou uma Hadith que manda voces olharem para o ceu? Cuidado o seu falso profeta disse que voce pode ficar cega!

    Eu mostrei na Biblia que Jesus varias vezes orou de pe e olhando para o ceu. O que contraria o ensino Islâmico. Nao fuja do problema que voce mesma criou.

    Muitas vezes eu me ajoelho e oro a Deus de joelhos com o rosto em terra. Significa que eu sou muçulmano? Tenha santa paciência.

    As FORMAS podem ser parecidas mas os SIGNIFICADOS sao totalmente diferentes. Seja mais honesta para consigo mesma.

    Deve ter sido por isso que voce se converteu ao Islam, eles nao demandam muito raciocínio dos seus adeptos. Alias pensar é perigoso no Islam.

    Logo logo, eu vou postar um artigo que explica o porque os Cristãos nao praticam a violência do Antigo Testamento. Voce deveria estar feliz com isso!

    Faca uma pergunta de cada vez.... Alias o seu próprio deus comandou ao seu profeta, se ele estivesse em duvida sobre alguma revelação era para PERGUNTAR aos Cristãos e Judeus: Sura 10:94

    " Porém, se estás em dúvida sobre o que te temos revelado, consulta aqueles que leram o Livro antes de ti..."

    Estou a disposição para responder as suas perguntas...
    Abraços
    Rafik

    ResponderExcluir
  3. "...postei um capitulo todo falando de violencia na biblia coisa que acham que so no alcorao que vao encontrar, porque como voces dizem Deus e amor, Logico que Deus e amor, mas ele tambem nao aceita aquele que comete pecados e nao seguem seus mandamentos,ou estou errada?"
    Pelo menos você admite que vamos encontrar suras falando de violência no alcorão, aleluia agora sim vamos pensar!
    E EU ADMITO para você que muitos atos violentos aconteceram no Antigo Testamento. Mas o que difere??? É muito simples, é só comparar. Entenda no entanto Zahrah que você não está pecando em discutir a respeito do alcorão, o próprio DEUS se alegra quando você tem essa iniciativa de querer saber mais porque isso abre seus olhos, meus olhos e assim vamos em frente.
    Comparando Zahrah o que é mais do caráter de DEUS dizer? "Ame seus inimigos ou mate os incrédulos" . JESUS veio dizer que ACABOU A LUTA CONTRA A ESPADA E QUE DEVEMOS AMAR NOSSOS INIMIGOS A JUSTIÇA QUEM FARÁ É DEUS E NÃO AS MAOS HUMANAS, CABE A DEUS JULGAR. O que podiamos pelo menos esperar de Maomé é que ele continuasse esse ensino de JESUS e não voltasse com esse negócio de matança não é?. JESUS não saiu matando as pessoas porque elas não queriam seguir a religião de DEUS ou porque eram incrédulos isso é fato. Mas não sei sinceramente o que deu em Maomé ou em Allah com todo respeito!!!! De repente a ordem era matar a todos que não aceitassem a religião de Allah, racionalmente falando algo assim é imposição e não escolha não é? Dessa forma você há de convir que retrocedemos e não evoluímos. Ou evoluímos retrocendendo??? Não sei como é o raciocínio no alcorão as vezes.
    Quando o profeta se vai o que fica são seus exemplos para ser seguidos certo? JESUS deixou o exemplo do amor, da misericória, do perdão você não vai encontrar nada fora disso. E Maomé que exemplo ele deixou?? Você pode dizer "Ele também deixou exemplo de amor e tudo mais, mas será que foi só isso??? Pensa um pouquinho observa as atitudes dele isso não é pedir demais.

    ResponderExcluir
  4. Excelente colocação! Parabéns!

    Maome jogou a humanidade na escuridão da Ignorancia, quando Jesus ja nos tinha tirado do Reino das Trevas.

    Quanto aos falsos profetas Jesus disse:
    "E os conhecereis pelos seus FRUTOS" Mat 5:15-20

    ResponderExcluir
  5. Maomé inventou sua falsa religião misturando o Cristianismo ortodoxo, o nestorianismo, o maniqueísmo e o judaísmo. Zahrah, abandone a ignorancia e aprenda que a oração islâmica foi plagiada da oração cristã feita nas Igrejas Católicas Ortodoxas: Copta, Melquita, Síria, etc. Procure assistir o vídeo postado abaixo ou vá numa Igreja Ortodoxa onde se declame os salmos e a Bíblia em árabe, e você compreenderá de onde os muçulmanos plagiaram a recitação do Corão. A chamada Liturgia das Horas (orar 5 ou 7 vezes no dia, ao nascer do sol, meio dia, por do sol, noite, etc.) já era praticada nas igrejas Católicas mais de 300 anos antes do farsante das arábias aparecer com suas mentiras.
    Sim, os árabes foram cristãos salvos por Paulo de Tarso muito antes de serem enganados pelo beijador de pedra negra.
    Estude sobre a antiga prática do ofício Divino ou Liturgia das Horas:
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Liturgia_das_Horas
    Sobre a oração Copta (O monastério do Sinai que aparece no video foi visitado por Maomé): http://www.youtube.com/watch?v=QoUhnWECqWM
    Salame!

    ResponderExcluir
  6. Maomé viajou com as caravanas do seu tio e de Khadija até a Síria Árabe cristã, O Sinai e o Egito cristão Copta. Ele viu e ouviu muitas orações cristãs, viu as prostações, e ouviu muito bem o canto cristão bizantino em árabe antes de plagiá-los.
    Como disse um conhecido meu: "Maomé é o farsante que deu certo".
    Canto Bizantino em árabe: http://www.youtube.com/watch?v=XQBMT1gRjEY
    A verdade dói mas liberta!
    Fiquem na Paz de Nosso Senhor Jesus Cristo.

    ResponderExcluir
  7. cara ,acompanhei o tópico ate aqui,apos ler algumas respostas ,conclui que voce é uma pessoa frustrada e arrogante ,voce não demonstra ,mansidao ou respeito pelo sentimento de seu proximo ,deixe de lado toda esta raspança e seja mais doçil e humilde ,pois o verdadeiro JESUS CRISTO disse , aprendei de mim que sou manso e humilde de coração

    ResponderExcluir
  8. Querido Joao Carlos,
    Por favor, se voce for se juntar aqueles que criticam pelo menos diz onde foi que eu fui arrogante. Isso ajudaria muito. Obrigado.

    Outra coisa, se voce for responder, entao por favor me diga o que fazer com Mateus 23. Devo rasgar, queimar, retirar da biblia?

    Sim Jesus foi docil, manos e humilde para quem estava aberto para reconhece-lo como Senhor.
    Mas ele foi muito duro com aqueles que FECHAVAM as portas dos ceus para os outros.

    Sera que fui claro ou voce ira me acusar novamente de ser arrogante? Abracos, beijos e durma bem.
    Ate mais
    Rafik

    ResponderExcluir
  9. Me diga se minha breve logica temporal esta correta:
    A pessoa disse que Jesus orou prostrado sobre o rosto, logo ele é muçulmano por que orou como um muçulmano...
    Quem veio antes? Jesus ou Mohamed?
    R: Jesus.
    Fato: Jesus era judeu.
    Logo se Jesus orou prostrado sobre o rosto, e Jesus veio antes de Mohamed; todo muçulmano que ora prostrado sobre o rosto é JUDEU!
    Certo?
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Interessante conclusão!
      Os muçulmanos pensam neste estilo, entao nao sera dificil para eles concordarem com voce!

      Excluir
    2. Rafik, vc não tem respeito com a religião alheia, é fraco em suas conclusões e é como todo bom cristão decorador de versículos citados por pastores que sequer sabem ler corretamente.
      Se o islamismo é um plágio do cristianismo..o que diremos dos 3 reais magos, 24 de dezembro..pascoa...rescucitar ao terceiro dia..vc sabe que essa estória é bem antiga..um plágio de povos politeísta, aliás, conseguiram até transformar o cristianismo em politeísmo.
      A admoestação deve ser pregada no sentido da conversão e não no sentido da agressão como vc bem faz..como todo bom cristão decorador de versículos.
      Allahamdulillah!

      Excluir

Façam os seus comentários, mas cuidado com a língua!